Atividades
  • Notificações
  • Tags
  • Favoritos
Nenhuma notificação

Você é generalista ou especialista?

Você é generalista ou especialista?
Yago Carvalho
out. 23 - 2 min de leitura
9 Curtidas
0 Comentários
2

Hoje, você e capaz de atuar em quantas frentes?

Quando estávamos ainda na escola uma das grandes perguntas que rolavam nos últimos anos era:

"Em qual área você vai trabalhar?"

Será mesmo que devemos escolher apenas uma área para atuar e trabalhar até o fim da nossa carreira profissional?

E se eu escolher uma área e depois deixar de gostar dela?

E se eu me apaixonar por outra área? Será tarde para mudar?

Acredito que muitos de nós, no início da nossa carreira, acreditamos, e também aprendemos, que devemos escolher uma área, casar com ela, nos especializar ao máximo nela e esquecer todas as outras, pois para que você seja um profissional diferenciado você deve estar focado apenas em se desenvolver naquela área específica.

Ao meu ver, essas afirmações não são 100% erradas, contudo, existe uma linha muito tênue entre ser generalista e ser especialista.

Para exemplicar bem essa questão, temos a definição do que chamam de profissional T-Shaped:

"O uso da letra “T” tem a ver o formato para explicar qual conjunto de competências que um profissional deve desenvolver. No eixo horizontal estão as competências mais generalistas e no eixo vertical estão as competências em que a pessoa tem um conhecimento especializado.

Portanto, um profissional T-Shaped tem um mix dessas competências tendo uma base de conhecimento em nível abrangente/intermediário e uma ou duas competências em que é especialista." (https://www.mirago.com.br/profissional-t-shaped/)

Na minha visão esse é o profissional do futuro, o qual realmente se destaca, aquele que consegue navegar em vários "mares" diferentes, não se limitando.

Lembre-se:

Ser especialista não te impede de desenvolver outras habilidades.


Denunciar publicação
9 Curtidas
0 Comentários
2
0 respostas

Indicados para você