Atividades
  • Notificações
  • Tags
  • Favoritos
Nenhuma notificação

Theodore Levitt e a Miopia em marketing

Theodore Levitt e a Miopia em marketing
Luana Carvalho de Lemos
set. 27 - 4 min de leitura
2 Curtidas
0 Comentários
0

Theodore Levitt foi um economista alemão erradicado nos Estados Unidos, nasceu em 1 de Março de 1925, e faleceu em 28 de Junho de 2006. Mestre da Harvard, e é um dos nomes mais conceituados em marketing, escreveu diversas sobres, entre elas, a que falaremos nesse texto: A miopia em marketing

Como surgiu esse termo?

As pessoas míopes são aquelas que consegue enxergar muito bem de perto, entretanto, a visão embaça para enxergar aquilo que está longe, certo? Na "miopia dos marketeiros" é praticamente a mesma coisa.

Em geral, as empresas pensam sempre em vender o produto e não em atender as necessidades do consumidor, esta atitude é chamada de miopia em markting. O conceito se baseia em ficar tão encantado com seus produtos que focaliza apenas os desejos existentes, deixando de ver as necessidades subjacentes do cliente.

Com o aumento da concorrência em todos os setores a competição para chamar a atenção do cliente é cada vez maior, e, com o avanço das redes sociais os clientes têm o poder de se informar melhor, comparar preços e qualidade para fazer escolhas mais assertivas em relação ao produto desejado. A reputação de uma marca na internet muda tudo.

Quais são os sintomas da miopia em marketing e como ela afeta as empresas?

Os principais sintomas são: apego excessivo a produtos e visão curta de negócio. Um exemplo claro disso é quando a empresa está tão concentrada em questões internas que não consegue se definir externamente do jeito certo, como uma empresa que vende notebooks e seus acessórios e acredita pertencer ao setor de "computadores", quando, na verdade, deveria se enquadrar em "tecnologia".

Outro exemplo é quando a empresa não pesquisa sobre seu público-alvo, e, acaba mirando em um público que não possui interesse em seus produtos. Empresas sem visão e estratégias de marketing estão fadadas ao fracasso.

Solução: óculos para a visão da empresa 

  1. Faça pesquisas de satisfação

São as melhores e mais eficazes ferramentas para que uma empresa possa entender o que acontece com seus clientes, é importante conferir canais (online ou offline) que melhor funcionam para o lead. Depois, é importante analisar os resultados para ver o que está dando certo e o que está dando errado, para mudar ou melhoras suas estratégias de marketing.

   2. Não perca de vista os canais de comunicação 

Ultimamente, não se pode esquecer que os consumidores se manifestam principalmente online, e para as empresas ficarem por dentro do que falam a seu respeito, podem utilizar diversas ferramentas grátis de monitoramento das redes sociais, como o Quintly, LikeAlyzer, Iconosquare e o mais famoso Google analytics. O serviço de atendimento 2.0(SAC) também deve ser incluso na estratégia.

  3.Observe as ações da empresa

Benchmarking é a chave para se destacar diante dos concorrentes.

 4. Crie uma cultura em sua empresa

A atenção do cliente deve ser um valor da organização, o foco do cliente deve virar uma cultura, isto é, capacitar a equipe sobre a importância de analisar o mercado e entender o público-alvo.

 5. O produto deve ficar em segundo plano

Isso não quer dizer que o produto não seja importante! Apenas quer dizer que não é preciso voltar suas ações de marketing 100% para ele.

 6. Analise constantemente os feedbacks dos clientes 

Os clientes são a parte principal do negócio, as críticas dos mesmos precisam ser ouvidas para que a empresa cresça.

7. Esteja aberto à mudanças e inovações

Para ser empreendedor nos dias de hoje, é preciso correr riscos! 

 

"Um produto não é um produto a não ser que seja vendido. Do contrário, é apenas uma peça de museu"         

  Theodore Levitt

Até a próxima semana! 


                                                                                                           Luana Lemos, Colunista Oficial

 

 

 

 

 

 

 

 


Denunciar publicação
2 Curtidas
0 Comentários
0
0 respostas

Indicados para você