Atividades
  • Notificações
  • Tags
  • Favoritos
Nenhuma notificação

Sinais para parar e pensar em ti

Sinais para parar e pensar em ti
Ana Bertho
out. 8 - 4 min de leitura
1 Curtidas
0 Comentários
0

 

Hoje venho com um relato pessoal, mas que não é exclusivo meu. 

Eu gostaria de ter entendido e aceitado os sinais bem antes, mas eu não estava preparada para lidar com a situação e o pós foi bem pior.

Fiz meu primeiro post na comunidade e sumi. Evaporei de mim. Fiquei tão contente com a oportunidade de crescer aqui, mas a minha sabotagem é sempre maior do que eu. Não consegui manter a constância que eu imaginei por mais que no meu caderno tivesse o rascunho para mais de 12 textos, não os escrevi. Talvez tudo pudesse ter sido diferente se eu tivesse prestado atenção em mim.

  1. Você perde toda confiança e autoestima que tem

Já não tinha muita coisa, mas comecei a perder o pouco que restava. Primeiro, eu não vi isso acontecer. Estava imersa na necessidade de me manter em um emprego que começou a me fazer um mal absurdo. Saí de lá há um mês e continuo sem receber quatro meses de salário, desenvolvi problemas crônicos, não conseguia usar outras roupas, senão, as oito variações que eu podia no trabalho. Minha voz lá não significava quase nada e tentavam me mudar e manipular o tempo todo. A única coisa que eu queria fazer ao sair de lá era sumir até o outro dia.

  2. Você procura justificar tudo para negar o que realmente sente

Então você lê que eu fiquei lá sem receber e pensa ''GAROTA!!! como???'' e, hoje, eu respondo ''não sei...'', mas na época eu justificava com os problemas financeiros do lugar e com a minha criação de ser sempre uma boa pessoa compreensiva e empática. Nisso esqueci de ser compreensiva e empática comigo. Se anular é tão fácil.

3. Você sabe aquilo que quer, mas não pode ter

 Sua cabeça começa a te pregar peças porque vem uma determinação para alcançar aquilo que mais deseja, mas se sente presa naquilo que tem. Eu sei o que quero fazer e sei que não tem espaço pra mim. Como eu poderia largar o trabalho que eu tinha? E nesse momento você chora por estar no Brasil no momento atual e sem perspectiva alguma do futuro porque realmente não tem. E depois você justifica com o "eu vou receber depois" porque você precisa sobreviver nesse Brasil.

4. Você está no modo automático da autodestruição 

E foi apenas nesse modo que eu despertei. Quando tudo virou realidade consciente para mim. Quando eu percebi que eu só estava me matando por dentro ao continuar naquele emprego, que estava abdicando de mim por coisas sem nada em troca e sem valer a pena, que estava cavando meu poço.

Pedi demissão. Estou tentando focar em mim, mas é extremamente complicado. Levei tanto tempo para conseguir voltar a escrever aqui. Por isso que escolhi o desabafo como uma forma de alerta também. Às vezes já sabemos o que passa, mas precisamos de uma forcinha pra enxergar e assimilar a situação. Se você se identificar com algo, pode ser uma frestinha aberta para começar a lidar com você e sua saúde mental. 

Pare um pouco e pense em ti. 

Mesmo que você não se identifique com nada, se questione se está consciente, se está abdicando de si ou em negação. 

Lembre-se que você importa mesmo que não sinta isso naturalmente em si.

 

 

 

 

 

 

 

 


Denunciar publicação
1 Curtidas
0 Comentários
0
0 respostas

Indicados para você