[ editar artigo]

O que você pode fazer para interagir com estranhos parte 2

O que você pode fazer para interagir com estranhos parte 2

Algumas pessoas pediram pela parte 2 e aqui está! Separei mais umas dicas sobre como conhecer gente nova e criar novas conexões.

Para ler a parte 1 clique aqui.

Partiu???

1- Use a internet a seu favor!

Relaxe, não estou falando de aplicativos de namoro! Mas sim das redes sociais mais famosas que temos por aí. Também não estou falando sobre adicionar ou seguir desconhecidos aleatoriamente. Lembre-se dos grupos!

Você nem precisa começar criando postagens lá, mas vai curtindo, comentando… Aos poucos, os "estranhos" vão interagir com você, você vai querer responder o comentário de alguém e aí vai sentir mais segurança para fazer sua primeira postagem lá.

“Tá, Marina, mas como eu começo?”

 

Vamos usar um exemplo:

- Você é muito fã de uma série.

- Um estranho comenta que não concorda com o que o personagem Fulano fez no episódio cinco.

- Você fica pistola porque concorda com a atitude de Fulano.

- Você vai no comentário dessa pessoa e responde algo como:

“Entendo seu ponto de vista, mas acho que Fulano tinha toda a razão em agir assim. Se não fosse por ele, Cicrano e Beltrano não estariam vivos.”

 

Isso gera mais e mais comentários e curtidas e quando você vê, está conversando com aquela pessoa ou com quem mais foi participar nos comentários.

Lembrando que não é pra você chegar na postagem de alguém e ofender a pessoa por não concordar com ela!

Na internet sempre rola umas discussões exatamente por isso. Muita gente tem dificuldade em se comunicar e fazer isso online é mais difícil ainda. Então a chave é gentileza e simpatia. Mesmo que a outra pessoa tenha opiniões diferentes das suas ou ela goste de comer estrogonofe com feijão, ela ainda é uma pessoa! Empatia é tudo, meu povo!

 

2- Faça perguntas!

Conheceu uma pessoa nova? Você não tem ideia do que falar? Ficou um silêncio constrangedor e você quer que alguém por perto leve um tombo para ter assunto?

Faça uma pergunta! Mas lembre-se de fugir das polêmicas como eu disse na parte 1, hein!

Pode mandar o famoso “E aí? O que você faz da vida?”. Se estiver em ambiente de estudo, pergunte sobre a última aula, se aquela pessoa tem facilidade na matéria X. Conheceu em uma festa? Pergunte quem ela conhece dali, de onde ela é. Conheceu na casa de algum amigo? Pergunte como essa pessoa e seu amigo se conheceram. Qualquer uma dessas perguntas pode gerar uma boa conversa. Aja sempre com bastante atenção e simpatia.

O site Introvertidamente dá ótimas dicas de como puxar assunto de acordo com o ambiente! Clique aqui para dar uma olhada!

 

3- Não tenha medo de ter seu assunto “rejeitado”!

Você conhecer alguém e não conseguir manter um diálogo é possível. Talvez aquela pessoa esteja passando por um dia ruim, talvez ela não esteja com paciência ou ela simplesmente não quer conversar. E está tudo bem! Não desanime com isso.

Ninguém está vendo, ninguém está rindo de você e o máximo que pode acontecer é alguém ser grosso e isso não é problema seu e sim, dessa pessoa. E esse é o pior que pode acontecer. Não vão te atacar fisicamente ou gritar para todos no ambiente “Gente, tentaram falar comigo e eu fui mó babaca!”

Então respire fundo e siga em frente.

                                             "Continue a nadar, continue a nadar!"

Lembre-se sempre que toda pessoa é uma pessoa com defeitos, qualidades e sentimentos. Um desconhecido não é seu inimigo e que não há motivos para você se sentir intimidado/intimidada. Você é uma pessoa especial. Todos somos especiais.

Ah, mais uma coisinha: 

Você já parou pra pensar que talvez alguém esteja com vergonha de puxar assunto com você porque se sente intimidado?

 

“E para o caso de não nos vermos mais, bom dia, boa tarde e boa noite!”

Comunidade do Estágio
Marina Vale
Marina Vale Seguir

Aspirante a estagiária de Publicidade e Marketing, apaixonada por séries, filmes, cachorros e contra o purê de batatas em pó.

Ler conteúdo completo
Indicados para você