[ editar artigo]

Você conhece o Essencialismo?

Você conhece o Essencialismo?

Você já se sentiu correndo em várias direções ao mesmo tempo sem saber ao certo para onde ir? Já se sentiu afogado em um monte de coisas para fazer e sentiu que não tinha muito retorno em nenhuma delas? Já teve dificuldade em priorizar as tarefas ou já aceitou um pedido de favor, mesmo que fosse inconveniente demais para você? Se respondeu sim a alguma dessas perguntas, então você precisa conhecer a ideia do Essencialismo.

“O essencialismo trata de aplicar o princípio ‘menos, porém melhor’ ao modo como levamos a vida, agora e no futuro.” - Greg McKeown.


O que é?

O Essencialismo pode ser definido através da máxima “menos, porém melhor”. Os essencialistas são aqueles que reconhecem que não podem fazer tudo e por isso focam no que é essencial, dando sua contribuição máxima para o que realmente importa. A visão essencialista do mundo pode te ajudar a definir prioridades, fazer escolhas melhores e, principalmente, se ocupar apenas com o que é importante, sem desperdiçar tempo e esforço de forma desnecessária. Essa ideia é abordada no livro “Essencialismo: A disciplinada busca por menos”, de Greg McKeown. 


O Livro

O livro traz todo o conceito do Essencialismo e explica como você pode aplicá-lo na prática. Já no primeiro capítulo o autor traz um exemplo caótica da vida de um não essencialista e explica os pilares da filosofia essencialista.

A principal analogia feito no livro é a de pensar na sua vida como um armário. Desse modo, para que ele não fique bagunçado é necessário explorar as coisas que tem nele, decidir o que é essencial e excluir o que não é. Por fim, ainda deve-se criar uma rotina regular de reorganização para que o armário fique arrumado. Assim como nesse exemplo, dá para aplicar esses princípios à nossa vida no dia a dia. Para manter a vida organizada é necessário que tenhamos foco no que é importante, evitemos o que não é e que tenhamos mecanismos para sempre  nos reorganizar e manter tudo em ordem.

O método proposto para se aplicar o Essencialismo se divide em 3 passos: Explorar, que é discernir o que é essencial do que não é; Eliminar, excluir as coisas que são triviais; Executar, remover obstáculos para que o que é essencial seja feito. Através desses passos é possível se tornar um essencialista.


Aplicações

Os princípios do Essencialismo podem ajudar muito na sua Gestão de Tempo. Ter em mente o que é essencial nos ajuda na hora de priorizar o que tem que ser feito. Para ser essencialista é preciso estabelecer prioridades e saber dizer não. Não podemos fazer tudo, tampouco aceitar o que não temos tempo para fazer. Focar no essencial é saber usar o tempo da forma correta. Além disso, ele pode proporcionar ganhos na produtividade ao evitar a multitarefa, uma vez que o essencialista não foca em avançar um pouquinho em cada direção, mas sim em avançar quilômetros na direção correta. Não se trata de fazer mais, se trata de fazer a coisa certa.

"Para ganhar conhecimento, adicione coisas todos os dias. Para ganhar sabedoria, elimine coisas todos os dias." - Lao-Tsé

Comunidade do Estágio
Marcelo F Fortunato Jr
Marcelo F Fortunato Jr Seguir

Colunista Oficial da Comunidade do Estágio. https://about.me/marcelo.jr

Ler conteúdo completo
Indicados para você