Atividades
  • Notificações
  • Tags
  • Favoritos
Nenhuma notificação

Entendendo os testes gamificados: 5 dicas para se dar bem nesta etapa da seleção

Entendendo os testes gamificados: 5 dicas para se dar bem nesta etapa da seleção
Thaís Martins
jul. 31 - 2 min de leitura
1 Curtidas
0 Comentários
0

Passou o tempo em que os videogames eram vistos somente como uma ferramenta de lazer.

Atualmente, os jogos são ótimas ferramentas para o exercício do cérebro, em relação à agilidade, pensamento lógico, retenção de informação e outras habilidades.

Se você tem costume de jogar, certamente levará vantagem nos testes gamificados, já que os jogos são vistos como instrumento de aprendizagem.

Os testes gamificados, também chamados de jogos corporativos, são utilizados em processo seletivo tanto para avaliar os candidatos quanto para passar informações acerca da empresa. Eles também podem ser aplicado para simulação de um ambiente de trabalho, onde o candidato pode experimentar os desafios do dia a dia do cargo na prática.

É aplicada de acordo com um resultado pré-definido, o candidato precisa cumprir uma missão, como no videogame, o que garante experiências de comportamentos e ideias.

E o que os recrutadores irão avaliar?

Os comportamentos esperados para a vaga!

Dicas para se dar bem nos testes gamificados

  1. Estratégia
    Você vai ter que traçar um plano para atingir as próximas etapas. Os desafios precisam ser cumpridos de acordo com o que o jogo pede, logo é preciso pensar dentro do contexto que o jogo que está inserido. 

    2. Criatividade
     Estimular a criatividade e fugir do óbvio é essencial para encontrar novos      caminhos, atingir as metas e cumprir com o que o jogo está pedindo. O jogo permite que você experimente diferentes situações, então pode ocorrer erros, embora o foco seja errar o menos possível. A criatividade pode te ajudar a seguir novos caminhos.

   3. Agilidade
A rapidez é um dos principais pontos avaliados, pois demonstram como você lida com a resolução de problemas e momentos de pressão.

 4. Concentração
É preciso prestar atenção em tudo, não perder nenhum detalhe que seja importante para o desafio. Por isso, na hora do jogo, procure um lugar tranquilo e sem interrupções que possam desviar sua atenção.

5. Capacidade de trabalhar em equipe
Se o jogo corporativo for em equipe, é imprescindível conhecer mais sobre os outros jogadores. Isso vai ajudar na divisão das tarefas, ajuda a todos se concentrarem nos seus papéis e na resolução de problemas.

Você já participou de testes gamificados? Qual foi a sua maior dificuldade? Me conta aqui ⬇️
dicas:sejatrainee

 


Denunciar publicação
1 Curtidas
0 Comentários
0
0 respostas

Indicados para você