Atividades
  • Notificações
  • Tags
  • Favoritos
Nenhuma notificação

Pandemia x formatura

Pandemia x formatura
Elen Cristina
set. 5 - 6 min de leitura
17 Curtidas
11 Comentários
4

No início de 2020 o mundo foi pego de surpresa com a pandemia da COVID-19, enquanto alguns países passavam por uma crise por conta da pandemia o brasil até o momento não tinha nenhum caso registrado, só que tudo mudou quando o primeiro caso foi registrado no pais, só que ninguém imaginava que aqui seria como foi nos outros países e ‘’ ficamos de boa’’ até surgir mais casos em outras cidades, e foi quando ficamos em alerta com o que viria pela frente. Na minha cidade achávamos que até chegar aqui os casos demoraria muito, só que chegou mais rápido do que pensávamos, no dia 16 de março o governador do estado iniciou o fechamento das escolas e universidades/faculdades, e logo em seguida ele decretou o fechamento de todo o comercio da cidade para evitar aglomerações e também o contagio da população. Com isso várias coisas tiveram que ser adiadas ou até mesmo canceladas, como shows, casamentos e formaturas.  

Esse post é a história da minha amiga, que teve o sonho da formatura cancelada por conta da pandemia. Ela se chama Beatriz Soares (Bea para os íntimos) tem 22 anos e se formou em serviço social pela UFPI - Universidade Federal do Piauí. Ela conta que a reta final do curso já e cheia de expectativas e muita pressão, e assim que conseguiu concluir o curso vem mais expectativas como de conseguir um emprego (sonho de todo mundo é se formar e já ter um emprego na sua área, mas sabemos que a realidade muitas vezes não é essa) e também a tão sonhada formatura e as solenidades que é tão importante para quem passa anos estudando.

A formatura da Beatriz estava marcada para março e foi nesse mês que o primeiro caso do vírus chegou em nosso estado. Ela conta que ficaram com medo mas achavam que não seria de grande proporção e mantiveram as datas da formatura, que aconteceria no dia 25 de março (EU TAVA TÃO EMPOLGADA…. Uma história aqui pra vocês, eu conheço ela desde o ensino médio, sim podemos falar aquele meme ‘’ do terceirão pra vida’’ e da nossa turma a bea foi a primeira a entrar na universidade e todos ficamos muito felizes, e com isso a primeira formatura do grupo seria a dela. Fizemos até uma festa surpresa para comemorar a aprovação do TCC dela, todos em volta dela estavam ansiosos para compartilhar essa conquista) só que duas semanas antes de tudo acontecer foi decretado o fechamento de tudo e a formatura foi adiada pois todos achavam que seria uma coisa passageira (aqui estamos a quase 6 meses de isolamento e até o momento sem perspectiva de quando irá ocorrer eventos com várias pessoas no mesmo ambiente, agora até parece loucura uma festa de formatura. O que antes era normal) e duas semanas depois começou o isolamento, e as solenidades foram adiadas.

 

Como todos sabemos a quarentena durou quase 6 meses (pra alguns né, porque teve gente que nem sabe o que foi quarentena. Os furões da quarentena #ódio) só que no começo do isolamento achávamos que seria coisa rápida e logo voltaríamos ao ‘’ normal’’ e a Bea também achou que isso iria acontecer, mais não foi bem assim. Com o isolamento durando tanto tempo ela pediu o adiantamento do diploma, mais antes de receber ela teve alguns problema com a universidade, ela conta que foi mais ou menos um mês para receber mais não é o diploma e sim uma certidão de conclusão do curso que tem validade de mais ou menos 9 meses. Ela também contou das dificuldades que um recém formado sofre para entrar no mercado de trabalho, imagina você se formar e isso acontecer no meio de uma pandemia. É meio frustrante pois se normalmente as coisas para quem sai da universidade e quer se inserir no mercado é difícil e imagina no nosso momento atual, é mais difícil ainda. A Bea contou que assim que concluiu o curso, começou a procurar emprego na sua área e já estava bastante difícil e com a pandemia ficou ainda mais.

Apesar de se sentir desestimula pela dificuldade que encontra, contou também que no futuro pretende fazer uma pós-graduação, especialização na área. Também falou que tudo isso levou ela a colocar em cheque bastante sentimentos e princípios, e que apesar de estar desempregada nesse momento é difícil, mais se sente mal pelas perdas em decorrência da pandemia e que isso não é importante e sim o seu bem estar e de sua família e que esse momento é de se reinventar e tentar. A Bea não esperou que as coisas voltassem ao ‘’ normal’’ e cancelou a formatura, pois para ela isso deixou de ser uma prioridade, e agora está atrás do ressarcimento do dinheiro das solenidades e de outros gastos que teve com a formatura. Ela disse que ficou bastante frustrada e triste pois era um sonho.

 

Eai gente o que vocês acharam?? Alguém conhece ou passou por isso, ter que cancelar algum plano importante por causa da pandemia?

( Bea deu uma entrevista para o jornal local, contando sobre a formatura ser adiada por conta da pandemia, a parte dela é a 9. 

https://g1.globo.com/pi/piaui/edicao/2020/05/12/videos-pitv-1-de-terca-feira-dia-12-de-maio-de-2020.ghtml

Uhurrl top 3 de agosto!!! Que emoção. Então galera aqui é o primeiro post de uma série #ELENTalks de entrevistas que quero compartilhar com vocês!! Espero que gostem.


Denunciar publicação
17 Curtidas
11 Comentários
4
0 respostas

Indicados para você