Atividades
  • Notificações
  • Tags
  • Favoritos
Nenhuma notificação

O que fazer depois do NÃO?

O que fazer depois do NÃO?
Yago Carvalho
nov. 5 - 2 min de leitura
0 Curtidas
0 Comentários
0

Vamos começar sendo sinceros:

Nínguem gosta de receber um "não" como resposta.

Contudo, sabemos que a vida não é aquele mar de rosas que vemos em filmes e séries do Netflix, e sim, as coisas vão dar errado, a gente vai se chatear e a gente vai receber muito "não".

O grande ponto que eu trouxe hoje para vocês é justamento o pós "não", o que fazer quando recebemos essa negativa de alguém.

Basicamente temos dois caminhos bem claros:

  1. Tomar aquele "não" como uma realidade imutável, ou seja, entender que você não é capaz de fazer nada, não é bom o suficiente para nada e por aí vai. Basicamente, se afundar em um cenário de desmotivação e autoflagelação emocional.
  2. Entender que aquele "não" é um degrau, algo que você precisava passar para seguir em frente e chegar ao próximo estágio, evoluir. Utilizar essa negativa como um trampolim, algo que vai te jogar lá pra frente, pois agora você sabe o que não fazer e com isso se ganha tempo. 

Seria muita prepotência nossa acreditar que tudo que almejamos fazer ou ter, fosse realizado como num passe de mágica e que nada nem ninguém fosse discordar da gente.

As pessoas são diferentes e é isso que nos faz evoluir. No momento em que encontramos essas pessoas que pensam de outra forma, que discordam da gente,  aquele "não" é uma oportunidade de enxergarmos por outra ótica e quem sabe até modificar a nossa opinião sobre determinado assunto.

Por esse motivo, use o "não" como um vela de barco, que é capaz de te levar longe e não como uma âncora, a qual te deixará presa em um único lugar.

   


Denunciar publicação
0 Curtidas
0 Comentários
0
0 respostas

Indicados para você