[ editar artigo]

O mundo fora da sala de aula, e os benefícios do voluntariado!

O mundo fora da sala de aula, e os benefícios do voluntariado!

Você já se sentiu despreparado para o mercado de trabalho? É natural um universitário ficar decepcionado com retornos negativos em seus primeiros processos seletivos. Isso acontece porquê normalmente nos prendemos a sala de aula, e a universidade não te prepara totalmente para o mercado, ela te fornece habilidades técnicas, a base para sua carreira, antigamente faculdade era um diferencial hoje mas isso não é mais verdade, pois o número de universitários vem aumentando com o passar dos anos, em 2009 o número de matrículados no ensino superior no Brasil era pouco mais de 486 mil, em 2019 esse número aumentou para 6.5 milhões, assim se faz necessário buscar um algo a mais.

 

Como fazer para me destacar?

Há diversas formas de buscar o seu algo a mais, uma delas é se associar a alguma instituição estudantil, vejamos alguns exemplos:

Centro Acadêmico;

Atlética;

Empresa Júnior (EJ);

Association Internationale des Etudiants en Sciences Economiques et Commerciales (AISEC);

Enactus.

Busque saber mais, e descobrir em sua cidade e universidade como fazer para se juntar a elas, caso sua instituição de ensino não tenha uma EJ e você queira saber como começar uma, da uma olhada no site do MEJ, lá encontrará informações sobre EJ's e como iniciar uma. No entanto hoje, em comemoração ao dia 28 de Agosto, dia nacional do voluntário, irei falar um pouco sobre essa atividade extracurrícular tão gratificante.

O voluntariado!

Há muitos tipos de trabalho voluntário, como ajudar idosos, distribuir suprimentos para moradores de rua, resgate e reabilitação de animais, participação em projetos esportivos ou dar aulas de alguma habilidade que você tenha.

Ser voluntário, é sentir-se feliz em impactar as pessoas sem esperar nada em troca, é uma atividade atrelada a solidariedade e que nos faz praticar a empatia, colocar-se no lugar do outro é importante, pois conhecemos e passamos a entender novas realidades, isso faz com que melhoremos nosso relacionamento com as pessoas, uma atividade de quem quer ser a diferença que deseja ver no mundo. Além disso, não é bem verdade que no voluntariado não há retribuições, vários programas oferecem desenvolvimento, seja treinamentos para realizar as ações  ou até mesmo competências adquiridas na execução do trabalho.

 

Voluntariado Corporativo:

Atualmente várias empresas oferecem oportunidades de realizar ações voluntárias dentro da própria organização, grupos de Diversidade e Inclusão (D&I) são cada vez mais comuns e tem papel fundamental na conscientização dos funcionários.

Para participar desses grupos não é necessário fazer parte de alguma das comunidades representadas por eles, ou seja, não é necessário ser negro para apoiar a causa antiracista, não é preciso ser LGBTQI+ para ser contra a homofobia, pessoas que não fazem parte dessas comunidades e mesmo assim se juntam ao grupo, podem ser chamados de aliados, os aliados são aqueles que desejam aprender mais sobre a causa, e assim ajudar na quebra de preconceitos, espalhando os aprendizados adquiridos e conscientizando seus colegas de trabalho. Além dos benefícios para os funcionários como um todo, participar destes grupos é uma ótima forma de praticar o networking, ter contato com pessoas da sua organização que não estão no dia a dia da função, outra vantagem é a oportunidade de desenvolver sua liderança, pois normalmente nestes grupos a hierarquia não é levada em consideração, por isso você terá mais liberdarde para sugerir, opinar e liderar projetos, assim poderá se desenvolver e também chamar atenção de pessoas com cargos acima de você, e quando tiverem alguma oportunidade interna de sua área pode ser que você seja lembrado pelo seu desempenho.

Iai o que você está fazendo para se destacar dos demais? Comente sua opinião e sugestões de atividades.

#ColunistaAU

 

Comunidade do Estágio
Ler conteúdo completo
Indicados para você