[ editar artigo]

Guia definitivo para você perder o medo de entrevistas remotas e conquistar sua vaga

Guia definitivo para você perder o medo de entrevistas remotas e conquistar sua vaga

 

Para muitos universitários 2020 seria o ano em que se dedicariam a enfrentar entrevistas e conseguir um estágio para dar o ponta pé inicial na sua carreira. Mas, uma pandemia tomou conta do mundo e com isso a forma de fazer entrevistas, de trabalhar e de estudar, mudaram. Tudo feito remotamente, de casa mesmo. E aí as inseguranças que já eram enormes tomaram proporções ainda maiores, frente a essa novidade inesperada.

 

Eu fui uma das pessoas que vivi isso, passando por algumas entrevistas virtuais, em várias etapas e dinâmicas diferentes, até ser aprovada em 2 processos seletivos e dar inicio à minha trajetória de estagiária na área que eu almejava.

 

Não vou mentir para você, eu tive medo quando pensei na ideia de abrir a câmera para falar com pessoas que nunca havia visto na vida. Se você estiver com medo também, saiba que é completamente normal. Foi exatamente por isso que eu resolvi vir hoje desmistificar a entrevista remota e te dar de presente um guia definitivo de como passar por isso com tranquilidade.

 

First Step: CALMA

 

A situação é tão nova para você quanto é para o recrutador, ele provavelmente também está inseguro de ter que contratar alguém para a sua organização sem conhecer a pessoa.

 

Ele tem uma vaga a ser preenchida e precisa preenchê-la, não é um bicho papão que quer prejudicar. Muito pelo contrário: ele quer te conhecer!

 

Por isso, SEJA VOCÊ MESMO!

 

É batido, eu sei. Mas sobretudo nesse tipo de situação é bem importante você ser honesto e verdadeiro. E aqui eu não estou apenas falando sobre o que você sabe fazer, suas habilidades e afins não, ok? Eu estou falando sobre tentar deixar o mais nítido o possível quem é você. Sua personalidade, seus valores, o que você tem de especial. Pessoas se conectam com pessoas! Você com certeza tem características únicas, então sem essas ideias de querer parecer um robô, cheio das respostas padrão.

 

Isso não quer dizer que você deve agir como se estivesse no botequim com os parças! Então aí vai minha próxima dica:

 

COMPORTAMENTO PROFISSIONAL, amigos. A entrevista é online, mas você não precisa aparecer logo de cara de pijama, com cerveja na mão, andando pela casa, com o cachorro passando na frente da câmera... Entendeu o ponto, né? É uma entrevista de trabalho, mostre que você se importa. Coloque uma roupa que você colocaria se a entrevista fosse presencial, vá para um lugar tranquilo, converse com as pessoas da casa que naquele momento você vai estar ocupado.

 

Por fim, SE PREPARE. Teste a internet, teste sua câmera no lugar que você pretende fazer a entrevista (vale verificar luz, apoio, mas também dar um treininho para você se acostumar a falar com a câmera), Teste o som e o fone de ouvido, caso vá usar. Também estude sobre a empresa, seus projetos e dê uma olhada no LinkedIn dos seus futuros colegas e futuros gestores.

 

Fazendo tudo isso, você potencialmente vai se sentir mais seguro e tranquilo para fazer a sua entrevista e isso vai aumentar suas chances de ir bem e conquistar seu lugar ao sol.

 

Essas foram algumas coisas que eu fiz e que funcionaram super para mim com relação ao momento da entrevista virtual. Se vocês quiserem mais dicas sobre processos seletivos (exemplo: currículo, relacionamento com o gestor o RH, etc) digam nos comentários que eu trago mais coisas sobre essa temática. E, claro, se tiverem outras dicas, não deixem de compartilhar!

Comunidade do Estágio
Mariana Menezes
Mariana Menezes Seguir

Relações públicas em formação, sou entusiasta do papel do relacionamento e da experiência como diferenciais nos negócios do futuro. Apaixonada por solucionar problemas, me comunicar e conhecer o mundo. Colunista oficial.

Ler conteúdo completo
Indicados para você