[ editar artigo]

Como evito o bloqueio criativo

Como evito o bloqueio criativo

O home-office e o trabalho remoto, colocaram em xeque o velho conceito  de “8 horas de trabalho ao dia”. 

Descobrimos que “tempo de trabalho”  e produtividade não são sinônimos, e no final das contas, as entregas no prazo, é o que importa.

Mas ainda que existam mudanças e esteja sendo discutido qual é o melhor modelo de trabalho, temos de lidar com um velho e conhecido inimigo.

O bloqueio criativo…

Não estou dizendo que tenho uma “fórmula mágica” para acabar com ele de vez, mas, trabalhando de maneira remota, faço algumas coisas que ajudam a minimizar esse problema.

Desgruda a tua cara da tela…

Quando o bloqueio criativo acontece, o pior a se fazer é ficar olhando para tela do computador, e esperar alguma ideia “surgir”.

Isso, pelo menos na minha opinião, só vai trazer ansiedade e preocupação.

Quando ver que as ideias não estão fluindo, é hora de parar e fazer outras coisas que auxiliem, mesmo de forma indireta, as suas ideias.

E é aí, que devemos tirar o proveito da flexibilidade de horário.

Tire um tempo para você e seu cérebro vai retribuir com novas ideias

 Nenhuma produção nasce sem inspiração, e não sei se é assim com você, mas as minhas melhores ideias nunca vieram de períodos em que eu estava focado demais em tê-las.

Pelo contrário, elas surgiram de forma natural, enquanto eu estava fazendo outras coisas.

O tempo que você investe em si mesmo, reflete e muito no trabalho.

A correria, nada vai acrescentar para as boas ideias e o lado criativo.

Os gestores precisam aprender isso o mais depressa possível…

Assim, o que sugiro é:

 Saia de frente da tela do computador, vá respirar um ar puro, faça exercícios, estude, leia um livro, assista um episódio da sua série favorita, passe tempo com sua família e amigos, tire algumas horas para investir em você. 

Duvido que quando você aparecer na tela do seu computador novamente, o bloqueio estará lá, ou pelo menos, ele não tenha diminuído drasticamente.

Mas leve isso em consideração!

Obviamente, isso só será possível, se você souber os teus momentos de maior produtividade.

A ideia é que, quando a produtividade diminuir, você compense esse tempo investindo em si mesmo.

Isso é como se simplesmente, você observasse  a lenha da fogueira se acabando, e fosse buscar mais lenha para mantê-la acesa. 

Ou seja, ter de sair para buscar mais lenha é parte do trabalho.

Da mesma forma, investir um tempo em você, irá manter todo o trabalho ativo. 

É importante lembrar que não somos uma máquina, e precisamos parar para não pirar.

E quanto melhor você estiver, melhor estarão os seus trabalhos.

As “técnicas” dos gurus!

Sim, eu sei que alguns aprendem algumas “técnicas” que ajudam nessa situação.

Conseguem “produzir” a todo custo, mesmo sem “vontade”.

Sei também que a criatividade pode ser desenvolvida e que a prática ajuda e muito.

Ainda assim, o mundo está em constante mudança, e as tais técnicas e fórmulas para alcançar mais criatividade, produzindo mais pode não funcionar amanhã.

Mas algo que não mudará, é o fato de sermos humanos, e precisarmos de pausas, para não apertarmos o “stop”.

Essa é minha dica de hoje

Viu como é simples? Tirar um tempo para você afetará drasticamente os seus resultados.

Lembre-se que a vida não é feita somente de trabalho, e que as outras áreas vão interferir diretamente nele.

Então, quando perceber que sua “chama da criatividade” está diminuindo, é hora de sair de frente da tela, e pegar mais “gravetos” para ela continuar acesa, queimando e brilhando.

Espero que tenha ajudado, especialmente aqueles que lidam com a parte criativa.

Se isso aconteceu contigo, não deixe de comentar…

Aliás, você faz algo mais na hora do bloqueio criativo? 

Coloca aí para eu saber…

Esta é uma comunidade, e isso significa que este espaço também é seu.

Até a próxima!

Comunidade do Estágio
Thiago Costa Tinoco
Thiago Costa Tinoco Seguir

Músico, cantor, compositor, escritor, casado, cristão, estudante de publicidade e propaganda pela UNIASSELVI, content e copywritter na V4 company

Ler conteúdo completo
Indicados para você