Atividades
  • Notificações
  • Tags
  • Favoritos
Nenhuma notificação

Carreira profissional: a importância de gerenciar a sua marca pessoal

Carreira profissional: a importância de gerenciar a sua marca pessoal
Fernando V. Alberigues Da Silva
out. 28 - 4 min de leitura
5 Curtidas
2 Comentários
0

Você compra um carro e continua viajando no banco do carona? Da mesma forma, não pode iniciar a sua carreira profissional sem gerenciar a sua marca pessoal. Sendo assim, precisa dar o devido valor à sua estratégia de Personal Branding. Se este assunto é novo para você, recomendo que fique comigo até o final deste texto.

 

Uma carreira desgovernada é resultado de um profissional perdido. Um profissional perdido, é alguém que deixou de gerenciar a sua marca pessoal. Ou seja, é o carona no seu próprio veículo. Em qual banco você se encontra no que tange a sua marca pessoal?

 

Segundo, Arthur Bender, no livro Personal branding, muitos profissionais sofrem por não saberem gerenciar suas jornadas profissionais e por não possuírem a mínima ideia do que estão fazendo com sua marca pessoal. E isso acaba resultando no caminho da mediocridade e, consequentemente, a uma vida frustrada. Conhece algum profissional assim?

 

Não deixe a vida levar sua marca pessoal

Se não for o Zeca Pagodinho, não deixe a vida te levar. Não deixe a sua marca pessoal se tornar refém das circunstâncias. Pois, quem não sabe para onde quer ir, vai acabar estacionado em qualquer lugar. Então, pause a leitura e reflita: você sabe para onde quer ir? 

marca pessoal

A direção é bem mais importante do que a velocidade.  Diferentemente do preparo de um miojo, o gerenciamento de uma marca pessoal se dá a passos lentos. Exige tempo.
 

A confiança é a palavra da sua marca pessoal

Nesse momento, a palavra mais importante é confiança. Bender faz a definição dela como a essência do gerenciamento de marcas pessoais. Pois ela se constrói gradualmente, na direção certa e adicionando valor às percepções alheias. 

 

Somos cercados por um número avassalador de informações diariamente. As universidades formam muitos profissionais a cada semestre. Estamos todos disputando a mesma coisa: a atenção. A importância da confiança se dá na diferença que você constrói para o mercado na visão do outro. Isso. Leva. Tempo.

Pense comigo, qual marca vem a sua cabeça quando falo em sabão em pó? A marca que você pensou conquistou a sua confiança, mesmo que não a use mais. Contudo, quando se trata de sabão em pó, é ela que dita o ritmo na sua mente. Isso aconteceu pela construção da percepção de valor por meio da confiança.

 

Deixando o sabão em pó de lado. A percepção do outro, sobre a construção de valor da sua marca, é resultado da diferença que consegue impor ao mercado em que participa. Isso gera confiança. Deixo a pergunta: confiança é a palavra da sua marca pessoal?

 

Erro: gerir o patrimônio dos clientes e esquecer do próprio

O quanto a isso, Bender pontua, você não pode terceirizar aquilo que jamais poderia ser terceirizado: o seu patrimônio de marca pessoal. Você é o responsável por gerar valor para a sua marca, não o cargo que você ocupa. O cargo pode permitir que você entre no carro, mas gerenciar a sua marca pessoal vai pôr você no volante. 

 

Assuma o volante

Entendemos que a carreira profissional não funciona da mesma forma que dirigir um carro, mas você precisa saber: onde quero chegar? Isso é fundamental para o desenvolvimento da sua marca pessoal. Até Alice, no país das maravilhas, percebeu que estar perdido não era tão maravilhoso assim. Imagine no mercado profissional.

     

Se o texto ajudou você, compartilhe com os seus amigos do peito. Quem sabe eles também se encontrem perdidos em relação às suas marcas pessoais.  

 

No próximo artigo, vamos conhecer alguns profissionais que fazem um ótimo trabalho na hora de gerenciar a sua marca pessoal.

Posso esperar você então?


Denunciar publicação
5 Curtidas
2 Comentários
0
0 respostas

Indicados para você