Atividades
  • Notificações
  • Tags
  • Favoritos
Nenhuma notificação

5 formas de alimentar o pensamento crítico

5 formas de alimentar o pensamento crítico
Mariana Fekete Oshima
out. 26 - 4 min de leitura
2 Curtidas
1 Comentários
1

 

Pode-se definir pensamento crítico como a capacidade de emitir uma reflexão a partir de um estímulo. Ainda que pareça simples, pensar de forma crítica requer esforço e atenção, uma vez que a medida que somos influenciados pelas experiências que nos rodeiam, a tendência é que adotemos um tipo de “resposta automática” aos acontecimentos, gerando um padrão em nossa cadeia de reações.

Em meio aos milhões de movimentos, pensamentos, obrigações e lembranças que passam por nossa cabeça todos os dias, é humanamente impossível de se praticar o pensamento crítico a todo momento ou mesmo em qualquer ocasião, mas a questão é que muitas vezes ficamos tão fatigados e acostumados a automaticidade das coisas, que não pensamos direito antes de reagir a algo ou mesmo, damos respostas superficiais. 

Mas então, como quebrar esse ciclo e começar a praticar de fato o pensamento crítico? Confira a seguir, cinco formas de alimentá-lo diariamente:


1 - Leia muito e um pouco de tudo

Em quesito de saúde, digo seguramente que a leitura caminha lado a lado com a prática de exercícios físicos e consumo de água. Não é apenas saudável, mas vital para o desenvolvimento de técnicas como a concentração, a oratória (da próxima vez que tiver oportunidade, leia em voz alta e tente adquirir este hábito, gradualmente notará a diferença), a expansão de vocabulário e claro, do pensamento crítico. Quanto mais lemos, mais expandimos nossos conhecimentos e deixamos de lado crenças limitantes e preconceitos, e consequentemente, mais críticos nos tornamos. Por isso, adquira o hábito da leitura, incorpore-a em sua rotina e procure ler um pouco de tudo. De livros a revistas, todos os gêneros têm algo a nos ensinar.


2 - Passe menos tempo nas redes sociais e descanse mais

Desestressar é essencial se quisermos manter nossas funções vitais em perfeitas condições e para isso, é igualmente importante dar atenção ao tempo que passamos conectados nas redes sociais. Seja por trabalho ou entretenimento (quem não ama rir com um meme de vez em quando?) perdemos a noção do tempo e quando vemos, lá se foi metade do dia só navegando entre Facebook, Instagram e afins. Invés disso, prefira dar um tempo longe do celular sempre que possível, substituindo-o por um bom livro - lembra-se do tópico anterior? - ou outro hobby e descanse mais, uma noite bem dormida vale mais que mil likes.

 

3 - Adquira o hábito de conversar 

Mais uma vez vale lembrar do quanto ficamos tão presos às telas do celular que quando passamos por uma interação real, não sabemos como reagir ou o que dizer ao certo. Não permita que seus diálogos fiquem restritos somente a troca de mensagens e muito menos, dê mais atenção ao aparelho em suas mãos do que a alguém quando estiver no meio de uma conversa. Aprenda a falar, demonstrar seu ponto de vista com gentileza e principalmente, a ouvir o que a outra pessoa tem a dizer. Debater com sabedoria e ouvir opiniões é mais do que um hábito, é um exercício de pensamento crítico e troca de experiências.

 

4 -  Pesquise com mais profundidade

Não só no que diz respeito às fake news que tanto nos assolam por aí, mas pesquisar é mais do que necessário. Com tanta informação de todos os lados, é natural nos sentirmos saturados vez ou outra por conta dessa avalanche, mas da mesma maneira, é preciso filtrar tudo aquilo que nos é útil consumir naquele momento e claro, pesquisar fontes, e nunca se contentar com a superficialidade de um título ou manchete (tendenciosa ou não).

 

5 - Questione-se

A última mas talvez mais importante forma de se alimentar o pensamento crítico. Mesmo quando se tem certeza de algo, o autoquestionamento é sempre o melhor caminho para a reflexão e eventual reformulação de crenças. Tenha em mente que ninguém é perfeito e muito menos dono da verdade, e da mesma forma que o conhecimento, o pensamento crítico nunca para de se expandir.

 

Referências:

- Todos os GIFs utilizados nesse texto foram retirados do Pinterest.


Denunciar publicação
2 Curtidas
1 Comentários
1
0 respostas

Indicados para você